no cover -  
  • Lyrics
  • Information
  • Top Tracks
  • Related Tracks
  • Related Artist

Don L - a todo vapor

[Letra de "a todo vapor" com Don L]

[Verso 1]
​​afoito como um corvo, eu queria asas
​​sons de sirene ao meu redor
​era meu sangue na boca de lobo do asfalto
Ou saltar em fuga da ponte da barra
​maré seca, salivar os cães de caça
​​agora a boca ressecada, a sola gasta
​no camarim querendo me afogar em gin (Tibum)
​tanta ideia ruim invade ​que sonhar com paz
​era desafiar o sol como os faróis, todo fim de tarde
​deslanchar a carreira com meia idade?
​​nah, duas idades na verdade quando a probabilidade era viver metade
​​minha cidade é selvagem, as ruas cortam corações, ​ardem
​reforço as orações, amém
​pro casting do meu primeiro clipe (Amigos)
​dos que permanecem vivos
​nem um terço tão em liberdade, pasmem
​acima da estatística de encarceramento em massa
​eu li um comentário, acharam que eu tava derrotado
​eu lembrei aquela do Dexter
​né que 'cês agora querem flash? (Rei L)
Juro que evitei fechar a cara, mas vieram flashes
​de todos que não vieram porque o flash deles
​foi com número de processo e uma cela por tentar fazer o cash deles
Opção que tinham pra viver as selfie deles
​que imortalizei nas rimas que me trazem flashes
​L na revista Elle
​pensando em aparentar o bandido que eu era
​quando eu não podia aparentar o bandido que eu era
​com os quilos que eu levava na estrada
​e os polícia me fecharam a cancela
​eu que um dia me senti um gênio
​quando imaginei a favela usar as armas dela naipe Marighella
​já me sinto meio ingênuo naipe Marcinho VP do Santa Marta
​​acreditando em velha malandragem aqui
​​a real é que eu tava sozinho
​a real é que eu tava me sentindo vazio
​vendo tudo que acreditei se diluir mais que o gelo no drink
​sou muito mais guerrilheiro que MC (com todo respeito)
​num vim pedir pra ninguém levantar a mão
​quando eu pedi pra alguém levantar a mão a minha tinha uma arma
​e mesmo assim naquela mão ​era só pra me levantar meu chapa
​agora não, é pra voar (ah)
​salta!
[Ponte]
​pânico de nada, pâ-pânico, pânico, pânico de nada
​pânico de nada, pâ-pânico, pânico, pânico de nada

[Refrão]
​​e tem sido um voo foda
​ah, ah, ​a todo vapor
​e tem sido um voo foda
​ah, ah, ​a todo vapor
​e tem sido um voo foda
​ah, ​a todo vapor
​e tem sido um voo foda
​ah, ​a todo vapor

[Verso 2]
​subestimado, um nordestino em São Paulo
​chama pouca atenção e tamo em todo pico (Corre do cash, cash)
​sei que elas fantasiam o bandido
​três minas na Benz me mandando vídeo
​​eu em outro carro
​desculpa ​o preço é mais caro
​fumê no vidro
​me sentindo tão grande embora invisível
​o flow que ela ama
​a rola que ela mama
"​top do jogo", mami
​os O.G. mandam
​fode com o último malandro, os inimigos
Tentando a sorte, mami, 'cê tá de fato sentando
​da nossa janela a cidade queimando
​correndo pra morte como nossos corações
​nossos sonhos voam tão longe
​com a mente nas nuvens já desci tão brabo
​sei nem o termo que eu me encaixo
​mergulhei de mais alto, de mais alto
You might also like[Refrão]
​​e tem sido um voo foda
​ah, ah, ​a todo vapor
​e tem sido um voo foda
​ah, ah, ​a todo vapor
​e tem sido um voo foda
​ah, ​a todo vapor
​e tem sido um voo foda
​ah, ​a todo vapor

[Ponte]
​​agora, já que uma vida é muito pouco
​​pra fazer tudo que eu posso
​e ser tudo que eu sou
(​uma morte é muito pouco)
​pensando bem eu me atirei, eu
​(uma morte é muito pouco)
Fui sabendo que eu não voltaria atrás
​eu mergulhei de mais alto, de mais alto
​de mais alto ​e tem sido um voo foda

[Saída]
​pânico de nada, pâ-pânico, pânico, pânico de nada
​pânico de nada, pâ-pânico, pânico, pânico de nada
​mas é também o momento de...

Advertisement
Bands you might like

DJONGA

Froid


Comments
avatar